Pesquisar este blog

Carregando...

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Deus está conosco.

Neste caminho para a terra prometida existem serpentes. Às vezes, falta água, e o calor é intenso. Mas não estamos sós. O Senhor está conosco. Pode parecer contraditório. Como disse Gideão: "Se o Senhor é conosco, por quê tudo isso nos sobreveio?" (Jz.6). Nem o anjo respondeu. Apenas deu uma ordem: "Vai, Gideão, e livra Israel dos midianitas." Estamos sempre querendo entender a situação. Estamos fazendo tantas perguntas, mas muitas delas não são respondidas por Deus. No céu não tem departamento de informações. "As coisas ocultas pertencem ao Senhor." (Dt.29.29). O Senhor quer que deixemos as perguntas e nos concentremos na missão. "Vai, Gideão, e livra Israel." Você não precisa entender. Precisa obedecer.

O caminho é difícil, mas precisamos continuar caminhando.

Pensemos, por exemplo, na trajetória de José, filho de Jacó. Depois de seus sonhos maravilhosos, precisou encarar uma realidade que mais parecia um pesadelo. Nada parecia se encaixar com as promessas de Deus para ele. Primeiro, a inveja por parte dos irmãos. Depois, escravidão. Como se não bastasse, calúnia e prisão. E lembre-se de que ele era um servo fiel a Deus. José foi acusado de um crime que não cometeu. Ele foi vítima de uma injustiça. E o mais incrível é que Deus não interferiu para livrá-lo daquela situação. A acusação injusta foi mantida e José passou alguns anos na prisão. Podemos perguntar: por quê Deus permitiu essa injustiça na vida de José? Por quê Deus permite que sejamos vítimas de injustiças? Podemos responder apenas: faz parte do caminho. Aquele que comete a injustiça contra nós será penalizado, mas tudo isso contribuirá para alcançarmos o que Deus tem para nós no futuro. Todos os fatos da vida de José acabaram por conduzi-lo à realização dos seus sonhos. Todos aqueles males contribuíram para que José chegasse a se tornar governador do Egito.

Deus tem suas maneiras de fazer as coisas. Não vamos entendê-lo. O que nos cabe é continuarmos em nossa atitude de fidelidade ao Senhor. Ao seu tempo, Deus honrará a cada um de seus filhos. "Não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não houvermos desfalecido." (Gal. 6.9). "E sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus." (Rom.8.28). "Porque, para mim tenho por certo que as aflições deste mundo presente não são para comparar com a glória que em nós há de ser revelada." (Rom.8.18).

terça-feira, 19 de abril de 2011

Princípios de oração por Pr. Airton Ap. Benedini

PRINCÍPIOS DE ORAÇÃO

São três os níveis de oração, eu gostaria de abranger hoje com você caro leitor estes níveis, para que você possa no seu dia a dia entender que, existe um tipo especifico de oração para cada caso.

O primeiro nível denominamos de: nível de DEUS, o Segundo nível meu, terceiro nivél dos outros.
Vamos conhecer a oração no nivél de Deus.
Porque a nossa oração é determinada a elevar a grandeza de DEUS, pelo que ele é pelo que ele faz e pelo que ele fez.

São três os tipos de oração: Ações de Graça, Louvor e Adoração.
Nós vamos conhecer agora cada tipo de oração uma pôr uma.


(Nível de Deus)

AÇÕES DE GRAÇA

Ações de graça é a primeira forma de oração do nível de DEUS porque a gratidão é uma coisa muito importante, porque traz vida, paz e alegria, devemos ser agradecidos. (Cl. 3:16)

A gratidão é mais do que palavras é uma atitude em nosso coração.
A gratidão desenvolve a nossa fé. Ações de graça são basicamente, os atos de agradecermos a Deus as bênçãos derramadas sobre nós.
Como agradecer a Deus toda a glória, pelas bênçãos sem fim?Há momentos que não encontramos palavras para agradecer o que nos faz o Senhor nosso Deus.
Jesus também agradece o pai. (Jo.11:41), Jesus tinha um jeito especial de dar Graças (Lc. 10:21).
Ações de graça é um tipo de sacrifício (Lv. - 7:2). O livro de primeira Crônicas no capitulo 25:3 diz que: uma das funções dos cantores do templo era Ações de Graça.

Isaías 51:3, há uma promessa da presença de restauração pôr ações de graça. (Jr. 30:19 e 33:10, 11), quando nós nos apresentamos a Deus com o coração cheio de gratidão e com cânticos que expressem isto o Senhor se agrada e com certeza nos abençoa.

Por que ter um coração agradecido a Deus?

1) Pôr quê Ele é que perdoa as nossas iniqüidades.

2) Ele è quem sara todas as nossas enfermidades.

3)Quem da cova redime a tua vida.

4)Ele é quem te coroa de graça e misericórdia, quem farta de bens a tua vida.

A ação de graças é o caminho para o louvor , quando nós vamos nos colocar na presença de Deus em oração é preciso agradecer, tudo o que ele tem feito pôr nós quando temos esta atitude passamos a exaltar a Deus e desta forma começamos a louvar cantando as suas grandezas e suas maravilhas. (Sl. 92:1, 95:2, 147:7, 50:14, 23).

Ação de graça é um sacrifício espiritual a Deus.
As ações de graça devem acompanhar todas as nossas orações (Fp. 4:6).
Todas as respostas de orações devem ser esperadas com ações de graça. (Cl. 4:2; 1ºTs. 5:8, 2ºCo. 4:5); As ações de graça estão presentes nos céus. (Ap. 4:9 e 7:12). Eu gostaria que você meu caro leitor ao ler este livro começasse a praticar o que esta lendo e então verás como o seu momento de oração vai ficar mais especial.
Orar não é só falar com Deus, mas é muito mais, é ter a intimidade de abrir o coração e compartilhar, projetos, sentimentos, momentos de indecisão em direções a serem tomadas, é falar o que pensamos e sentimos e saber ouvir o que Deus nos orienta a fazer, quando Ele se comunica com o nosso espírito.

Agora vou falar com você a respeito da oração de Louvor e como deve ser valorizada qual é o seu valor e seus benefícios, para que em sua vida de cristão você possa sempre usar esta arma poderosa contra o inimigo se nossas almas, e também poder chegar a Deus com o espírito cheio de alegria.

O LOUVOR é a forma de você expressar a Deus o que ele faz seu poder, majestade e soberania.
Esta oração também pode ser feita em forma de cânticos ou hinos, como eram os salmos no velho testamento. O Louvor tem o poder de transmitir as pessoas o que Deus fez no passado e pode fazer pôr ela; também exalta o poder de Deus criando em nossos corações uma fé de que este Deus tudo pode, com isto o louvor vai nos libertando dos pensamentos negativos e nos despertando para tudo o que Deus pode fazer em nossas vidas pôr mais difícil que possa parecer.
Em forma de cânticos o Louvor se torna avivado trazendo alegria aos corações tristes e oprimidos obs.: Geralmente quando uma pessoa vai pela primeira vez a uma Igreja Evangélica, ela chega triste, cheia de problemas, perturbada e oprimida às vezes nervosas e tensas e o Louvor é a arma para quebrar este gelo, permitindo que estas pessoas fiquem alegres e a vontade para que o Espírito Santo possa operar em suas vidas.
Como diz um ditado no mundo quem "“ canta seus males espanta “"
O Louvor também tem a função de trazer a unção do Espírito Santo para que a palavra de Deus possa fluir livremente no coração do pregador para que ele não fale só pelo seu entendimento, mas transmita a palavra de Deus revelada pelo Espírito, e Deus possa falar o que quer com a congregação.
Aqui eu deixo para vocês algumas passagens Bíblicas aonde vocês poderão encontrar alguns exemplos de Louvor.
(Sl. 34-1, Sl. 22-3 Hb. 13-15, Lc. 24: 53).

Louvar é reunir todos os feitos de Deus e expressar em cânticos e palavras e glorificações.
A igreja primitiva estava sempre louvando a Deus.
Quando estamos louvando, Deus esta sendo entronizado. Entronizar é reconhecer a grandeza, a exaltação o poder e a glória.
Quando enchemos nossa vida e nosso lar, ou terras ou lugares de louvor, Deus estará presente e criando um clima de paz.
Quando Deus nos toca o coração e nos preenche realmente, as nossas únicas expressões, para realmente mostrar-mos o nosso amor a ele são as lágrimas.
A oração de louvor é a porta de entrada ao Trono da graça, para a Adoração.
(2ª Cr. 5: 13-14; Sl. 119:164, e 34:1).

O cântico como já me referi pode ser um veiculo de louvor e adoração, mas não é necessariamente louvor e adoração. Temos que levar a sério o relacionamento com Deus.
As pessoas que na igreja estejam incumbidas de fazerem o louvor tem a função de conduzir o povo ou a igreja na presença de Deus; e estas pessoas precisam ser integras convertidas, e ter uma vida repleta de jejum, oração e consagração.
Cantar todo mundo canta.
Abrir a boca e cantar um cântico decorado e bater palmas não é louvar; Louvar é cantar expressões que saiam do coração, para louvar e expressar a Deus a honra e a Glória.
Louvar a Deus é mais que cantar. A oração de louvor mais do que a palavra é a atitude.
Atitude de louvar a Deus com o meu sentimento.
Nosso destino é o trono é a glória de Deus, e Deus hoje pode ter o seu trono em nosso coração.
Gozar a vida é viver na presença de Deus.
Não se iluda, porque se alguém tem um encontro real com Jesus Cristo; esta pessoa vai passar a agradá-lo.
Você não sente fome de sexo, ou outro prazer carnal qualquer no coração, mas sente fome de se encher de Deus. Quem anda com o coração cheio de Deus, segue os princípios de Deus.

Oração é mais do que palavras, Oração é um modo de viver, é o oxigênio da nossa alma, sem oração não há cristianismo, não há vida espiritual.
(Jo. 15:7 – Sl. 37:4 e 8:1).
O louvor é a atitude adequada para as reuniões na igreja.

O louvor é a arma contra os inimigos, (2ªCr. 20,21 e 22).

O louvor é a fonte de alegria (Sl. 9:1 e 2- 35:27).

O louvor esta ligado à movimentação física, (Sl. 63:4 e 134:2).

Louvamos com o nosso corpo; quando você cumprimenta uma pessoa, existe uma expressão corporal, o calor muda para cada pessoa de acordo com o amor que você sente pôr ela.
Irmãos Deus é uma pessoa que quer ser cumprimentada pôr você.
Como se abraça a Deus?
Louvando com expressões corporais mostrando o calor do nosso amor para com ele.
O louvor esta em nossa boca; devemos estar constantemente, dando Glória a Deus. Isto é louvor.
Não devemos ter vergonha e sim orgulho, orgulho de ser-mos de Jesus.



Onde Ele esta um dia eu estarei, porque se eu não me envergonhar d’Ele com certeza Ele virá para me buscar, ”Maranata” ora vem Senhor Jesus. ´


O louvor pode ser dirigido a Deus ou aos homens (Pv. 27.21; Pv. 31.30; Rm. 3.3; II Cor. 7.14). Afinal, louvor é elogio. A bíblia diz que o próprio Deus louvará aos salvos (I Cor. 4.5). A adoração, porém, só pode ser dirigida a Deus. “Ao Senhor teu Deus adorarás e só a ele darás culto” (Mt. 4.10; Ap.19.10).

Podemos louvar ao Senhor com nossas palavras, declarando seus atributos e a grandeza dos seus feitos. Esta é também uma forma de testemunho da nossa fé. Podemos fazer isto falando ou cantando. Vemos, portanto, que louvor não é sinônimo de música, como muitos consideram. É preciso que compreendamos isso. O louvor a Deus, antes de ter uma forma musical, precisa ser uma experiência pessoal e espiritual. É maravilhoso cantar as canções que outros irmãos fizeram, mas é também importante que cada pessoa louve ao Senhor com suas próprias palavras, falando ou cantando sobre sua própria realidade e sua experiência com Deus. Louvor é uma forma de oração.

O louvor existe, não para ser um elemento a mais no culto, nem para servir como entretenimento. Sua beleza muitas vezes nos deixa maravilhados, mas isso não é o mais importante. Muitas vezes ficamos preocupados com as questões técnicas do louvor musical e nos esquecemos dos fatores espirituais. Tudo isso tem a sua importância, mas o espiritual precisa ser priorizado, embora não sirva como desculpa para a deficiência técnica.

Como ministros de louvor, trabalhamos muito para a sua realização, e da melhor forma possível. Precisamos, porém, estar atentos para o objetivo do que fazemos. O louvor foi realizado, mas... foi eficaz? Produziu efeitos? Muitas pessoas nem imaginam que o louvor possa produzir algum efeito. Mas vejamos o que diz o texto de (At. 16.25-26): “Pela meia-noite Paulo e Silas oravam e cantavam hinos a Deus, enquanto os presos os escutavam. De repente houve um tão grande terremoto que foram abalados os alicerces do cárcere, e logo se abriram todas as portas e foram soltos os grilhões de todos.” Nesse episódio, o efeito do louvor foi a libertação dos cativos. O poder de Deus se manifestou naquele lugar.


O louvor precisa sair do coração do homem, inspirado pelo Espírito Santo, e alcançar o coração de Deus. Existem muitas questões implícitas nessa frase, muitos aspectos que viabilizam ou bloqueiam o verdadeiro louvor, conforme estudaremos oportunamente. Quando conseguimos alcançar o coração de Deus e agradá-lo, então o Senhor libera o seu poder, de maneira que naquele ambiente, onde o verdadeiro louvor se realiza, a ação de Deus acontece. Os demônios não podem permanecer (I Sm. 16.16; Sl. 149.6-9). Os oprimidos são libertos e há uma atmosfera celestial, propícia à ação do Espírito Santo e adequada para o pronunciamento da mensagem profética (II Rs. 3.15-16).

Que o Senhor nos abençoe para que o nosso louvor seja aperfeiçoado como instrumento do Espírito Santo no meio do seu povo.



ADORAÇÃO

Este tipo de oração é a forma mais elevada que possamos encontrar, aonde sentimos a presença do Senhor ao nosso lado nos abraçando. Adoração é a resposta do meu amor ao amor de Deus.
Não há adoração verdadeira sem o auxilio do Espírito Santo, (Marcos 12:30); Ama o teu Deus com o fervor do teu coração e do teu espírito.

Adoração é estar diante do trono do Senhor declarando a ele o seu amor pelo que ele é; Devemos viver em adoração, ninguém adora sem estar na real presença do Trono da graça.
A Adoração é o relacionamento mais alto com Deus, é o toque do meu espírito com o espírito de Deus é uma coisa profunda é a plenitude de estar diante de Deus, adorar é concentrarmos na presença de Deus (Ap. 4:9 ao 11).
A Bíblia nos mostra nestes versículos a atitude dos seres celestiais na presença de Deus.

Eu tenho em minhas pregações enfatizado sempre que Deus colocou um vazio no coração do homem que só é preenchido quando o homem se torna um verdadeiro adorador; A bíblia diz no livro de (Jo. 4:24), Deus é espírito e importa ser adorado em espírito e em verdade. Se nós não tomarmos a posição de sermos verdadeiros adoradores o vazio que sentimos em nosso coração jamais será preenchido.
Os seres humanos procuram de todas as formas encontrarem a solução para preencher este vazio, mas sem sucesso, o que, mas chegam perto é de uma falsa alegria e liberdade que encontram na bebida alcoólica, nas drogas, nas noitadas de prostituição que, ao chegarem ao dia seguinte experimentam uma ressaca uma solidão e um vazio ainda maior. Você não vai encontrar no dinheiro, nas drogas, no sexo e em nada neste mundo o que preencha este vazio, este vazio só é preenchido quando você se torna um adorador de Deus.
No momento que você se torna um adorador, você não é mais o mesmo; você passa a viver com dignidade. Quando você aprende o caminho do trono, sua vida será diferente. Você não anda de qualquer jeito, você não vê qualquer coisa, você se veste diferente, você não fala palavras torpes, você anda com dignidade.
A única coisa que Deus procura hoje é verdadeiros adoradores e se procura verdadeiros é porque com certeza há falsos adoradores. Toda a bíblia é um fascinante relato de Deus a procura do ser humano. Desde a queda do homem no jardim do Éden, Deus esta no seu encalço, a procura de indivíduos que se disponha a cumprir a função para o qual foram criados: adorar o Senhor.
È isto, fomos feitos para adorar, mas qual tem sido o alvo ou objeto da nossa adoração?
A quem prestamos nossa adoração (Ex.20.1-5; At.10.24-26; 14. 11-18; Ap 22. 8-9)? Deus é exclusivo no que se refere à adoração. Ele não aceita concorrência.Ele disse não terá outros deuses diante de mim, Eu sou o Senhor.As pessoas de hoje cultuam muitos deuses, embora se achem sofisticadas de mais para acreditar em um deus. O culto a personalidades, ao poder e ao dinheiro, ao prazer, á natureza, á força humana, aos demônios, ás tradições religiosas acontece como traição contra Deus, que é o único a quem se deve adorar.
O imperativo da adoração, a adoração não é meramente uma opção; adoração é um dever, é um imperativo. ”Deixar de adorar é estar em falta com Deus”(Sl 96.9;Ap 14.7;15.4);o propósito de Deus para nós ao nos criar e ao nos salvar em Cristo, foi adorá-lo;fora da adoração de Deus o homem encontra-se fora do propósito de sua existência e ,por isso mesmo,fadado a uma vida sem sentido.
O modo da adoração, a mulher samaritana, numa tentativa de desviar do foco principal a conversa que tratava com Jesus, referiu-se á disputa sobre o lugar certo para se adorar a Deus que havia entre judeus e samaritanos. A resposta de Jesus volta ao centro da questão: não é a forma do culto,nem o lugar que importa,mas que a adoração aconteça “em espírito e em verdade”,em qualquer lugar.
A adoração não é uma atividade extra na vida; adoração é o próprio estilo de vida do crente. Tudo em nós deve ser para adoração
(1ªCo 10.32; Sl 103.1), adoração é santificação pessoal (Is 1.15-17; 59.2), é reverência (Ex3. 5. Hc2. 20), é intimidade (Sl25. 14), é compromisso; adoração é também envolvimento, é engajar-se. Depois de Moisés descalçar os seus pés e adorar ante a majestade de Deus, ele tomou o cajado e foi liberar o povo cativo. Em Marcos 1.35-39 temos Jesus Cristo levantando-se alta madrugada e indo para um lugar deserto para orar. Mas logo depois, ele vai por toda a Galiléia pregando nas sinagogas e expelindo demônios. Por que a adoração nos motiva a servir.
Lembre-se Deus esta a procura de adoradores, será que Ele vai encontrar entre nós?


A Adoração pode expressar de várias formas, mas a adoração não é somente expressão. Mas podemos usar veículos de expressão de adoração. Quais os elementos da adoração?

1) A oração pode ser veículo de adoração, o louvor, as ações de graça, a confissão dos pecados ou da palavra.

2)A oferta na igreja é uma expressão de adoração.

3)Muitos são os elementos, a própria pregação ou leitura da bíblia.

Adoração é a resposta do meu amor ao amor de Deus. Se você ama a Deus, tudo que você quer é a glória de Deus. Viver com Deus, que gostoso, viver com Deus... .

Atitudes de adoração

1) (Lc. 7:36 ao 39).
Um coração quebrantado e um espírito contrito, Deus não despreza.
Contritar é reduzir a pó, é assim que deve ser o nosso coração na presença de Deus.

2) Humildade, adoração sem humildade é amor sem compromisso.

3) Amor, sem amor é impossível agradar a Deus porque Deus é amor (1ºCo. 13:1-9).

4) Dádiva, quem ama dá, por que entende que dar é melhor que receber (Rm. 5:8).

Quando ministramos ao Senhor é Ele que nos ministra e ficamos cheios da graça. Você jamais vai dar ao Pai mais do que Ele te dá, quanto mais você der a Ele mais Ele vai te dar seja em que aspecto for.
Na Adoração Deus é o objeto da nossa oração e o lugar da oração é o Espírito.
Seja um adorador, invista mais tempo na adoração. Conheça Deus na intimidade.Não seja um mero visitante na sala do trono, entre e permaneça lá – isso mudará a sua vida, comece a praticar agora.

quinta-feira, 14 de abril de 2011

Bem vindo a família de Deus

BEM VINDO A FAMÍLIA DE DEUS

Pôr aquilo que você respondeu nas lições anteriores podemos declarar com muita alegria que, agora você faz parte da família de Deus.
Com esta decisão, o Espírito Santo lhe introduziu numa nova dimensão espiritual, onde tudo se fez novo pelo poder transformador da palavra de Deus. A partir deste dia ditoso, você passou a desfrutar das bênçãos preparadas para os que servem ao Senhor, e começou a descobrir os tesouros que a vida cristã te reserva. Você esta dando os primeiros passos. Pôr isso mesmo, a Igreja Evangélica Reunidos pela Verdade tem não só o privilégio de cumprimentá-lo (a), mas também oferecer-lhe apoio espiritual, a fim de vê-lo equipado para ser um bom e frutífero servo de Cristo.
Depois de estudar as quatro leis espirituais, nas lições anteriores, vamos dar as orientações básicas para você se preparar para as duas ordenanças determinadas pelo Senhor Jesus: “O Batismo nas Águas e a Ceia do Senhor”.

A MARAVILHOSA EXPÊRIENCIA DO BATISMO NAS ÁGUAS


Dentre as várias experiências que o ser humano pode ter neste mundo, as mais importantes são aquelas que têm um significado espiritual. Em meio a todos os fatos de caráter espiritual, sem dúvida, podemos destacar o batismo em águas – a maravilhosa ordenança do Senhor Jesus: “Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo”.
(Mt. 28: 19). Nesta leitura destacaremos quatro pontos importantes que o batizando deve ter em mente para descer as águas do batismo Bíblico.

I – O que é Batismo?

È o ato de o cristão ser mergulhado em águas, como símbolo do sepultamento (da sua morte) para o pecado e da sua ressurreição em Cristo, quando ele é emerso da água. Assim, o batismo nas águas é uma celebração que simboliza o milagre do crente ser batizado (emergido, introduzido) espiritualmente no corpo de Cristo (que é a igreja universal).

O apóstolo Paulo explica essa simbologia:

A-) Rm. 6:4 – “Fomos, pois, sepultados com ele pelo batismo na morte, para que, como Cristo foi ressuscitado dentre os mortos pela glória do Pai, assim nós também em novidade de vida”.

B-) Cl. 2:12- “tendo sido sepultados com ele no batismo, no qual também fostes ressuscitados pele fé no poder de Deus, que o ressuscitou dentre os mortos”.

Vejamos mais referências gerais sobre o batismo:

Mt. 3:1-17; Mc. 1:1-11; Mt. 28:18-20; Mc. 16:14-16; At. 2:38-42; 8:26-39; 10:44-48 e 16:25-34.



II – PROPÓSITOS PESSOAIS ERRADOS PARA O BATISMO

A- Batizar-se porque quero tocar na banda, orquestra, ou cantar no grupo de louvor da igreja.
B- Batizar-se porque meus pais querem.

C- Batizar-se simplesmente porque estou namorando com uma pessoa membro da igreja e quero me casar no templo.

D- Batizar-se porque os cooperadores da igreja estão insistindo que eu batize.

E- Batizar-se para deixar o Pastor ou o Dirigente da Igreja ou Congregação feliz.

F- Batizar-se para ver se ganho força para parar de fumar, beber, etc...


III – PROPÓSITOS PESSOAIS CERTOS PARA O BATISMO

A- Batizar-se, voluntariamente por amor e para fazer a vontade de Deus.
(Sl. 1:1, 2; Sl. 40:8; Sl. 119:24; Sl. 119:77)

B- Batizar-se pôr ter o desejo de testemunhar publicamente que é uma nova criatura em Cristo (2ºCo. 5:17).

C- Batizar-se para seguir sinceramente o exemplo de Jesus que também foi batizado. Jesus quis batizar-se para nos dar exemplo. (Mt. 3:13-17).


D- Batizar-se para tornar-se, de livre e espontânea vontade, integrante do rol de membros da igreja local.

IV - BENÇÃOS QUE O CRISTÃO DEVE TER EXPERIMENTADO PARA SER BATIZADO.

1- Ter experimentado o milagre da conversão.

2- Ter experimentado o milagre da regeneração novo nascimento (Jo. 3:3-7).

Ter sido introduzido espiritualmente no corpo de Cristo, na igreja universal de Cristo Jesus.
(1ºCr. 12: 12-13 e Gl. 3:27).

Somente Deus é quem vê isso. È invisível aos olhos humanos.

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Necessidade de receber a Cristo

NECESSIDADE DE RECEBER A CRISTO

No estudo nº.03 vimos que Jesus Cristo é a única solução de Deus para o pecado do homem.
Hoje veremos que o homem precisa receber a Cristo para obter a vida que Jesus veio providenciar.
(Não se esqueça que todas as referencias são do Evangelho de João)

1-) Qual foi o grande milagre que conheceu os discípulos de que o que Jesus disse sobre Si e Sua morte era verdade? (Jo. 20:1-9, 19, 20, 24, 29)
------------------------------------------------------------------------------------------------------

2-) Não é suficiente conhecer os fatos sobre Jesus e seus ensinos. O que deve acontecer antes de alguém se convencer de que as afirmações de Jesus são verdadeiras? (Jo. 7:16, 17)
------------------------------------------------------------------------------------------------------

3-) Que é vida eterna? (Jo. 17:3)
------------------------------------------------------------------------------------------------------

4-) O que deve acontecer conosco antes de nos relacionarmos apropriadamente com Deus? (Jo. 3:6, 7)
------------------------------------------------------------------------------------------------------

5-) O que as duas idéias paralelas de (Jo. 1:12)explicam que devemos fazer para sermos nascidos de Deus? (Jo. 1:12, 13)
------------------------------------------------------------------------------------------------------

6-) Na língua em que o Novo Testamento foi escrito as palavras usadas para “fé” e “confiança” são as mesmas (no grego). Crer em Cristo é o mesmo que depositar confiança ou ter fé n’Ele. De acordo com (Jo. 1:12), receber a Cristo é o mesmo que depositar confiança n’Ele. Como é que você espera alcançar perdão de Deus? E a vida eterna? Você acha que é digno de confiança? Estaria disposto a confiar sua vida a Cristo, que com sua morte na cruz pagou a culpa de seus pecados? Você gostaria de chamá-lo “Senhor meu Deus” (Jo. 20:28)?Se deseja depositar sua fé n’Ele, ore dizendo:

“Senhor Jesus, obrigado pôr me amar e vir ao mundo para morrer pôr mim. Eu te recebo agora em meu coração, em minha vida como meu Senhor e Salvador. Obrigado pôr perdoar os meus pecados e me dar à vida eterna. Desejo seguir-Te e servir-Te de todo o meu coração. Amém”.


7-) Você crê que a oração acima foi atendida pôr Deus?---------------------
Se você confiou a sua vida a Cristo, o que é que lhe aconteceu segundo (Jo. 5:24)?
-----------------------------------------------------------------------------------------------------

8-) Qual é o resultado de confiar n’Aquele que venceu a morte física e espiritual em seu favor? (Jo. 11:25-27)
------------------------------------------------------------------------------------------------------


9-) Se pela fé, você se tornou uma ovelha do Bom Pastor que lhe acolheu? (Jo. 10: 25-27)
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

10-) O que Jesus pediu em oração por aqueles que iriam crer n’Ele?
(Jo. 17: 15-23)
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

11-) O que Deus nos encarregou a fazer? (Jo. 15:16)


12-) O que devemos fazer, se desejamos que a vida de Jesus se expresse através de nós? (Jo. 15: 1-8)
------------------------------------------------------------------------------------------------------

13-) Como é que os outros percebem que você é um discípulo de Jesus?
(Jo. 13:34-35)
------------------------------------------------------------------------------------------------------


E daí conseguiu ler todo o Evangelho de João? Se você terminou a leitura do Evangelho de João, continue o seu estudo diário da Bíblia, talvez procurando ler agora todo o novo Testamento. Se preferir poderá ler novamente o Evangelho de João. Na segunda leitura, muitas coisas ficarão bem mais claras para você. E, que Deus o abençoe.

quarta-feira, 6 de abril de 2011

A provisão de Deus para o pecado do homem

A PROVISÃO DE DEUS PARA O PECADO DO HOMEM

No estudo N.º2, vimos que o homem é pecador e está separado de Deus. Agora veremos que Jesus é a única solução de Deus para o pecado do homem. Pôr meio d’Ele podemos conhecer o amor e o plano de Deus para nossa vida. (Não se esqueçam de que todas as referencias neste estudo são do Evangelho de João).

1-) O que Jesus afirmou sobre si mesmo em (Jô. 14:6)?
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
2-) Que outras coisas Jesus disse de si mesmo que, se verdadeiras, tornam o versículo 6 do capítulo 14 válido?
--------------------------------------------------------------------------------------------------------
A- Quem afirmou ser em (Jô. 10: 30-33)?
-----------------------------------------------------------------------------------------------------
B- De onde Ele disse que veio? Para onde foi? (Jô. 16:28)
------------------------------------------------------------------------------------------------------
C- O que Ele disse que sempre fez? (Jô. 8:29)
------------------------------------------------------------------------------------------------------

3-) Leia (Jô. 8:58, 59) Esta passagem pode ser melhor compreendida levando-se em conta o que Deus disse centenas de anos antes de Jesus vir (Êxodo 3:14), quando Moisés perguntou-lhe sobre o que devia dizer ao povo de Israel se lhe perguntassem pelo seu nome de Deus. E disse Deus a Moisés: Eu sou o que sou. Disse mais: Assim dirás aos filhos de Israel: Eu sou me enviou a vós outros.
Agora, responda: qual foi a reação de algumas pessoas religiosas quanto ás afirmações de Jesus?
-------------------------------------------------------------------------------------------------

4-) Jesus tinha testemunhas para o fato de que suas afirmações eram verdadeiras. Quais e eram elas?
A- Jô. 5:32, 33-----------------------------------------------------------------------
B- Jô. 5:36 ---------------------------------------------------------------------------
C- Jô. 5:37, 38 ----------------------------------------------------------------------
D- Jô. 5: 39 -----------------------------------------------------------------------------
E- Jô. 8:12-14, 18 --------------------------------------------------------------------

5-) O que João Batista, que foi o precursor de Jesus, anunciou como a grande realização de Jesus? (Jô. 1:29)
---------------------------------------------------------------------------------------------------
Obs.: (Para entender completamente este anúncio, é importante lembrar que o povo judeu, a quem João estava falando, era familiarizado com o sistema sacrificial do Velho Testamento, onde ovelha e outros animais eram sacrificados pelo pecado. Esse sistema apontava para o tempo quando Jesus iria, de uma vez para sempre, pelo seu sacrifício, “tirar o pecado do mundo”. (A leitura de Hb.10:1-25 será útil aqui).




6-) Teria Cristo cometido algum pecado pelo qual devesse morrer? (Jô. 8:29)
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

7-) O que o homem que condenou Jesus a morte declarou sobre a sua culpa? (Jô. 18:38)
---------------------------------------------------------------------------------------------------

8-) Do ponto de vista humano, porque Jesus foi condenado á morte?
(Jô. 19:4-16)
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

9-) Oque Jesus disse sobre sua morte? (Jô. 10:11-18)
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

10-) Que tipo de morte Jesus teria que enfrentar? (Jô. 12:32-34)
----------------------------------------------------------------------------------------------------

11-) Qual o significado das palavras de Jesus em Jô 19:30, ao morrer pêlos pecados dos homens?--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

12-) Qual a conseqüência para a pessoa que não olha com fé para Jesus, que morreu para tirar os seus pecados? (Jô. 8:24)
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

13-) A luz deste estudo, reveja as afirmações de Cristo em (Jô. 14:16). Você já veio ao Pai, pela fé, através de Jesus?----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Lembre-se de continuar a ler um capitulo pôr dia do Evangelho de João, pedindo a Deus que o ajude a compreender a sua palavra. Procure ler todo esse Evangelho.

terça-feira, 5 de abril de 2011

O pecado e a separação do homem

O PECADO E A SEPARAÇÃO DO HOMEM

No estudo N.º1, consideramos o fato de que Deus nos ama e tem um plano maravilhoso para nossas vidas.
Mas, pôr que é que a maioria das pessoas não está experimentando o amor e o plano de Deus? Isso acontece porque o homem é pecador e está separado de Deus.
A palavra grega para “pecado” que é usado na Bíblia, significa “errar o alvo”. Então, pecar é falhar em andar conforme a vontade de Deus.
Em( Rm. 3:23), lemos que “Todos pecaram e carecem da glória de Deus”.
E, em (Rm. 6:23), “O salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus nosso Senhor”.
Pôr causa do pecado, a Bíblia descreve o homem como morto espiritualmente e separado de Deus. (Lembre-se de todas as referências neste estudo que dizem respeito ao Evangelho de João).

1-) Como é que a Bíblia descreve a condição do homem que é separado de Deus pelo pecado?(Jô. 12:46; 8:12)
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
2-) Qual é o efeito do pecado sobre a pessoa que peca?(Jô. 8:31-34)
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
3-) Pôr que muitas pessoas escolhem permanecer nas trevas ao invés de virem para luz de Deus? (Jô. 3:19, 20)
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
4-) Pôr que os homens odiaram uma pessoa tão boa como Jesus? (Jô. 7:7)
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

5-) Qual é a relação entre Jesus e Deus no julgamento contra o pecado? (Jô. 5:22-27)
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------





6-) Em que base Jesus pode julgar os homens justamente?(Jô. 2:24, 25)
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

7-) No capítulo 16, Jesus explica a função do Espírito Santo. Qual é a função de acordo com os versículos 8 a 11?
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

8-) O homem está espiritualmente morto e precisa que o Espírito Santo lhe conceda vida espiritual. Como é que Jesus explica essa necessidade a Nicodemos, que era um líder religioso? (Jô. 3:36)
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

9-) Qual é a condição da pessoa que ainda não crê no Filho de Deus e que, pôr conseguinte, não recebeu a vida eterna? (Jô. 3:36)
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

10-) Qual a razão apontada pôr Jesus de certas pessoas não terem a vida que Ele veio proporcionar? (Jô. 5:40)
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

11-) Você já recebeu a Cristo e tem certeza de que vai para o céu?
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Lembre-se de continuar a ler um capítulo pôr dia do Evangelho de João orando para que Deus o ajude a compreender Sua Palavra.

sexta-feira, 1 de abril de 2011

O amor e o Plano de Deus

Agora sou feliz de verdade porque encontrei Jesus a pérola preciosa, lendo este estudo você também vai encontra – lo, e como todos os que o encontram vai saltar de alegria.



Introdução (Nascendo para Deus)

O AMOR E O PLANO DE DEUS

Este é o primeiro de uma série de estudos bíblicos destinados a ajudá-lo a conhecer a Jesus Cristo pessoalmente. Os temas de quatro primeiras lições são os princípios básicos contidos nas “Quatro Leis Espirituais”, que são uma apresentação da mensagem básica do Cristianismo. Depois as lições seguintes dizem respeito ao discipulado propriamente dito.

As Quatro Leis Espirituais São Apresentadas Assim:

1º- Deus o ama e tem um plano maravilhoso para sua vida.

2º- O homem é pecador e está separado de Deus; pôr isso não pode conhecer nem experimentar o amor e o plano de Deus para sua vida.

3º- Jesus Cristo é a única solução de Deus para o pecado do homem. Pôr meio D´ELE, você pode conhecer o amor e o plano de Deus para sua vida.

4º- Precisamos receber a Cristo como salvador e Senhor pôr meio de um convite pessoal. Só então poderemos conhecer e experimentar o amor e o plano de Deus para nossa vida.

Todas as passagens que você vai examinar nesta série de lições são encontradas no Evangelho de João. As referencias dadas, dizem respeito a capítulos e versículos desse Evangelho. Pôr ex: 3:16, quer dizer: João capitulo 3, versículo 16.
È bom que você comece a ler diariamente esse evangelho dando-lhe preferência. Tente lê-lo todo. Sugerimos que você leia o evangelho de João (fazer plano de leitura com ficha) á medida em que você estuda as lições. A compreensão das lições capacitará você a entender melhor os versículos que forem aprendendo nas lições.

Comece com o capítulo 1 e leia um capítulo pôr dia até terminar o livro, o que acontece em três semanas. Leia com a mente e o coração abertos.
Enquanto estuda as lições, leia as perguntas e procure os versículos indicados. Em alguns casos, talvez você tenha que ler alguns versículos antes ou depois do indicado para melhor compreender o assunto. Então, escreva no espaço apropriado a resposta, de acordo com o que a passagem diz. Isto é didático.
Para você aprender, e poder ensinar depois, se esforce escreva e vai aprender coisas profundas e ter certeza do que Deus quer de e para você.



1º- Como Deus demonstrou que nos ama? (Jo. 3:16)
Ex:- Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito para todo aquele que nele crer não pereça, mas, tenha a vida eterna. -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

2º- Através de quem podemos conhecer a Deus? (Jo. 1:18)
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

3º- Desde quando Jesus Cristo existe?(Jo. 1:2)
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
4º- Quanta coisa Jesus fez? (Jo. 1:3)
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

5º- Como podemos ter certeza que o título “Verbo “se refere a Jesus”“?(Jo. 1:14)
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

6º- O que Jesus disse que veio fazer? (Jo. 10:10)
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

7º- Pôr que Jesus pode nos dar vida? (Jo. 1:4; 5:26)
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

8º- Jesus usou várias figuras para ilustrar a vida abundante:

A-) Em Jo. 4:5-14 e 7:37, 38, usou a -------------------------; promessa: Jamais teremos sede.
B-) Em Jo. 6:35, 51, usou a-------------------------; Promessa: jamais teremos fome.

C-) Em Jo. 8:12, usou a -----------------------------; Promessa: Jamais andaremos em trevas.




9º- Dê algumas características da vida com Cristo, a partir das referências abaixo:

a) Jo. 8:31, 32,36
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
b) Jo. 13:35
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


c) Jo. 15:11
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

10º- Pôr que João escreveu o Evangelho? (Jo. 20:29, 30,31)
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

11º- Você crê que já recebeu pessoalmente o presente da vida abundante e eterna através de Jesus Cristo?